Ações

Voldemort:Assassinato dos Riddles

De Dicionário Madame Pince

Tom Servolo Riddle

Menu - Biografia

Assassinato dos Riddles


Fases da vida:
Nascimento | Infância | Maturidade

Hogwarts:
Orfanato | Aluno Tom Riddle | Câmara Secreta | Assassinato dos Riddles | Formatura

Trégua:
Exílio | Renascimento

Segunda Guerra Bruxa:
Auge | Declínio

Relacionamentos:
Comensais da Morte | Malfoys | Belatriz Lestrange | Severo Snape
Pedro Pettigrew | Régulo Black | Alvo Dumbledore | Harry Potter

Miscelânea:

Tabu

<--- voltar

Riddle descobriu algumas informações sobre os descentes sobreviventes de Salazar Slytherin na biblioteca de Hogwarts. Nas férias de verão de seu quinto ano (julho ou agosto de 1942), ele foi a Little Hangleton para visitar a casa do Gaunt. Ali, ele conheceu seu tio Morfino, que estava bêbado e, em um primeiro momento, o confundiu com o adolescente trouxa Tom Riddle. Com raiva do Riddle pai por ter afastado Mérope Gaunt da família, Morfino atacou o jovem; recuou apenas quando Riddle falou na língua das cobras.

Morfino Gaunt explicou que Servolo tinha morrido há anos, e rapidamente narrou a história de Mérope, mencionando o medalhão de Slytherin que ela roubara da família antes de partir. Morfino, então, desmaiou; quando acordou, na manhã seguinte, corria por toda a vila a fofoca de que os Riddle -- Tom e seus pais -- tinham sido assassinados na noite anterior. Morfino prontamente confessou em detalhes o assassinato ao oficiais do Ministério da Magia. Foi provado que sua varinha fora usada para matá-los, e ele ainda disse ter orgulho de suas atitudes tomadas.

Tom roubara o anel que Morfino estivera usando -- herdado de Servolo --, e inseriu uma falsa memória em sua mente, assegurando-se de que o mais novo dito assassino seria preso em Azkaban. No mundo dos trouxas, o jardineiro dos Riddle, Franco Bryce, foi estereotipado como culpado. Nenhuma evidência contra ele, porém, foi jamais encontrada, e ninguém acreditou em sua história de que um jovem teria invadido a Casa dos Riddle naquele dia.

Riddle usou o assassinato de seu pai para repartir sua alma e transformar o anel em sua segunda Horcruxe. Ele não conhecia ainda a lenda das Relíquias da Morte, e assim não reconheceu sua pedra -- a Pedra da Ressurreição, marcada pelo símbolo das Relíquias da Morte. De acordo com Dumbledore, mesmo se Voldemort tivesse conhecimento do verdadeiro valor da pedra, ele não a teria usado; ele sempre temera a morte, e não tinha nenhuma pessoa querida que quisesse reviver.

Depois do triplo assassinato, Tom passou a ter o hábito de usar o anel. Posteriormente, ele o escondeu na Casa dos Gaunt, dentro de uma caixa dourada sob o piso e ainda guardada por vários feitiços de proteção.


<--- voltar






ESPECIAIS
<a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Categoria:Arte">Fan Arts</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/QG_Esfinge">Quizzes</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Portal:Vira-Tempo">Linhas do Tempo</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Categoria:Penseira">Biografias</a> | <a href="http://wiki.potterish.com/index.php/Portal:Sonorus">Citações</a>



Para correções, sugestões, críticas e elogios, entre em contato! Clique <a href="http://arquivo.potterish.com/?p=con">aqui</a>.