Severo Snape

(1960 - 1998)

Sonserina 1971-1978, Professor de PoçÔes 1981-1996, Professor de DCAT 1996-1997, Diretor 1997-1998

Snape.jpg
  Nome Severo Snape  
  Nascimento 09/01/1960  
  Morte 01/05/1998  
  Olhos Pretos  
  Cabelo Escuro  
  AparĂȘncia PĂĄlido, com nariz de gancho  
  Marcas Marca Negra  
Tabela 003.jpg

Severo Snape foi Professor de PoçÔes, Professor de Defesa Contra as Artes das Trevas e Diretor da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Devido a sua fiel duplicidade, Snape desempenhou um papel importante na guerra contra Voldemort.

Filho de Eileen Prince e Tobias Snape, Severo foi criado na vizinhança trouxa da Rua da Fiação, onde ele morava prĂłximo Ă  LĂ­lian e PetĂșnia Evans. Severo se apaixonou perdidamente por LĂ­lian quando era muito jovem. Em 1971, ele começou seu primeiro ano em Hogwarts onde ele foi escolhido como aluno da Sonserina.

Severo tornou-se inimigo instantĂąneo de Tiago Potter e Sirius Black e acabou sendo vĂ­tima freqĂŒente das suas provocaçÔes. Snape desenvolveu uma paixĂŁo pelas Artes das Trevas e pela supremacia dos sangues-puros, o que colocou sua amizade com LĂ­lian sob tensĂŁo.

Depois de formado, ele se uniu aos Comensais da Morte junto com um grande grupo de colegas da Sonserina. Ele foi descrito como um indivĂ­duo completamente desagradĂĄvel, cĂ­nico e sarcĂĄstico, e um persistente antagonista Ă  Harry e seus amigos.

Navegue pelos links abaixo e descubra todos os detalhes sobre a vida de Severo Snape.

Menu - Biografia

Fases da vida
InfĂąncia

Hogwarts
Anos Escolares | Príncipe Mestiço


Carreira
Aprendiz de professor | Atividades Extracurriculares
1991-1992 | 1992-1993 | 1993-1994 | 1994-1995 | 1995-1996 | 1996-1997

Relacionamentos:
LĂ­lian Evans | Marotos | Harry Potter | Draco Malfoy | Neville Longbottom | Belatriz Lestrange
Pedro Pettigrew | Alvo Dumbledore | Lorde Voldemort

MiscelĂąnea:
Etimologia



Pessoal

Nome: Severo Prince Snape
Significado do nome Severo: conotação Ăłbvia de severidade e seriedade. PossĂ­vel alusĂŁo ao Imperador Romano Lucius Septimius Severo, que reconstruiu o Muro de Hadrian e defendeu Clodinus Albinus e Pescennius Niger. TambĂ©m hĂĄ alguns santos com o nome de “Severo”
Significado do sobrenome Snape: JKR disse em uma entrevista que Snape Ă© um vilarejo InglĂȘs, provavelmente ao norte de Yorkshire, prĂłximo ao Muro de Hadrian. Neste vilarejo hĂĄ um Castelo de Snape. HĂĄ outro vilarejo chamado Snape prĂłximo a Saxmundham, a noroeste de Ipswich, prĂłximo ao Rio Alde.
Snape (verbo inglĂȘs): significa ser duro, esnobe, rebuscado; do InglĂȘs antigo “desonrar, ultrajar, desgraçar”.
Apelido: "Ranhoso" (usado por Tiago Potter e Sirius Black), Sev (usado por LĂ­lian).
Também conhecido como: "O Príncipe Mestiço"
Nascimento: 9 de janeiro de 1960
Morte: 1Âș de maio 1998, durante a Batalha de Hogwarts, por volta de uma hora antes da queda de Voldemort
Olhos: pretos, sem brilho, vazios como tĂșneis escuros
Cabelo: preto e oleoso
Marcas caracterĂ­sticas: Marca Negra
Roupas e acessórios: capa preta que fica esvoaçando atrås dele
Hobbies: atazanar a vida de Harry e dos alunos que nĂŁo sĂŁo da Sonserina
Citado em: Profeta DiĂĄrio, sendo procurado pela comunidade bruxa pelo assassinato de Dumbledore


Link:http://galeria.potterish.com/thumbnails.php?album=1813

FĂ­sica

Snape era um homem alto e magro, com uma pele amarelada e um nariz grande em formato de gancho. Ele tinha cabelos negros e oleosos na altura dos ombros que emolduravam seu rosto como uma cortina. Seus olhos negros e frios assemelham-se a tĂșneis escuros; a cor deles parecia similar aos olhos de Hagrid, mas nĂŁo continham a ternura do meio-gigante.

Ele tinha lĂĄbios finos, um sorriso desdenhoso, dentes amarelos e desiguais e freqĂŒentemente falava com uma voz suave. Assim como a Professora McGonagall, Snape tinha a habilidade de manter os estudantes quietos sem esforço. Ele preferia usar roupas pretas, vestes esvoaçantes, dando a ele uma aparĂȘncia semelhante Ă  de um morcego.

Tinha a Marca Negra tatuada em seu antebraço esquerdo, que desbotou durante os anos da queda de Voldemort e começou a ficar mais nítida conforme a força do Lorde das Trevas crescia.

Quando era adolescente, Severo era pĂĄlido, com cabelos oleosos e pernas magras. Ele usava roupas de baixo acinzentadas.

PsicolĂłgica

Snape era notĂĄvel por ser muito inteligente e por ter perĂ­cia em mais de uma disciplina mĂĄgica. Em sua adolescĂȘncia, ele estava desenvolvendo seus prĂłprios feitiços, assim como descobrindo meios de melhorar os mĂ©todos padrĂ”es de preparação de poçÔes.

Como professor, era um educador rĂ­gido com pouca tolerĂąncia a brincadeiras. Ele estabelecia um alto padrĂŁo para seus alunos e se recusou a aceitar qualquer estudante em sua aula de PoçÔes de nĂ­vel NIEMs. que nĂŁo tivesse obtido “Ótimo” nos NOMs. Ele fazia seus alunos trabalharem atĂ© o Ășltimo minuto de aula e, ao se aproximarem dos feriados, recusava-se a deixar que eles relaxassem e jogassem em classe. Snape era normalmente considerado como desagradĂĄvel e sarcĂĄstico.

Ele tinha a tendĂȘncia de guardar mĂĄgoas e podia ser extremamente odioso Ă queles que mereciam seu desagrado. Enquanto o desdĂ©m de Snape aos Marotos pode ser compreendida devido a histĂłria que eles compartilharam, o desdĂ©m que ele tinha aos alunos da GrifinĂłria como Harry, Hermione e Neville parecia ter sido mal empregada ou exagerada. Snape agia intimidantemente em relação aos alunos que ele menos gostava: ele freqĂŒentemente fazia comentĂĄrios irĂŽnicos sobre eles e nĂŁo se preocupava em humilhar alguĂ©m em sua aula que considerasse essa pessoa merecedora. Ele tambĂ©m tendia a punir estudantes que o desagradavam pessoalmente de forma rĂ­gida, mas omitia qualquer quebra de regras feita por alunos favorecidos por ele, particularmente aqueles de sua prĂłpria Casa.

Apesar do seu lado vingativo, Snape era um aliado corajoso e leal Ă  Ordem, motivado por sua devoção Ă  memĂłria de sua antiga amiga, LĂ­lian Evans, que ele amou – ainda que obsessivamente – da infĂąncia atĂ© a morte.

Snape era um homem intensamente reservado e via demonstraçÔes emocionais como um sinal de fraqueza. Como um Oclumente, ele era perito em ocultar seus pensamentos e sentimentos, o que o permitia manter a calma e controlar sua conduta. Entretanto, houveram lapsos ocasionais em seu autocontrole, ele era especialmente propenso a acessos de raiva quanto se tratava de Harry Potter e Sirius Black. Snape tambĂ©m se tornava inevitavelmente furioso sempre que era acusado de covardia. Snape era um Oclumente extraordinĂĄrio; sendo assim, ele sem dĂșvida tinha um controle incrĂ­vel sobre suas emoçÔes, e demonstrava desdĂ©m.

Poucas emoçÔes fora a aversĂŁo – Ă  Harry, Tiago, Sirius, Remo e Moody – poderiam ser discernidas em suas reaçÔes ao decorrer dos anos. Exemplos dessas reaçÔes cuidadosamente medidas foram quando ele agarrou o encosto de uma cadeira com muita força depois de ter ouvido que alguĂ©m tinha sido levado Ă  CĂąmara Secreta e o movimento brusco de sua mĂŁo quando Narcisa o fez jurar que mataria Dumbledore se parecesse que Draco falharia.

Severo era extremamente orgulhoso, mas parecia ter uma sede por auto-afirmação, a qual ele satisfazia parcialmente ao intimidar seus alunos. Isso provavelmente foi causado pelas provocaçÔes que ele sofreu na escola nas mãos dos Marotos. Depois que ele matou Dumbledore, Harry o instigou a ficar e lutar ao invés de fugir e o chamou de covarde.

Snape se tornou desumanamente furioso, como se nĂŁo houvesse insulto pior; ele certamente sabia que suas açÔes como agente duplo necessitavam de uma imensa quantidade de coragem e habilidade. Em particular, o assassinato de Dumbledore – se foi realmente planejado previamente pelo diretor, quase contra a vontade de Snape – tinha definitivamente exigido muita coragem.

Snape tinha sido amado por alguém, o que o fez mais culpåvel que Voldemort por ser uma pessoa tão terrível.


FamĂ­lia, Amigos e Inimigos

Sangue: mestiço
Pai: Tobias Snape
MĂŁe: Eileen Prince Snape
Melhores amigos: a Ășnica pessoa que jĂĄ chamou de amiga foi LĂ­lian Potter. Teve afinidade com Dumbledore, Narcisa Malfoy, Avery e Mulciber.
Inimigos: Voldemort e Comensais da Morte
Relacionamentos: amava LĂ­lian Evans Potter
Moradia: Rua da Fiação


Objetos, Poderes e etc.

Objetos: Penseira (emprestada de Dumbledore)
Poderes especiais: Foi dito que Snape era um bruxo muito poderoso, e de ter sido um estudante talentoso. Snape teve inĂșmeras habilidades em vĂĄrios aspectos das artes mĂĄgicas.

Link:http://galeria.potterish.com/thumbnails.php?album=1813
  • Preparação de PoçÔes: Snape era um excelente preparador de poçÔes. Remo Lupin mencionou que Severo era um dos poucos bruxos capazes de preparar a Poção de AcĂŽnito. Quando Slughorn mencionou a aparente habilidade natural de Harry em preparar poçÔes, ele notou que nem mesmo Severo fez a Poção do Morto-Vivo tĂŁo perfeitamente na primeira tentativa – uma comparação que irritou muito Snape.
  • Artes das Trevas: Snape sempre esteve interessado nas Artes das Trevas, desde muito jovem, e teve um vasto conhecimento sobre o assunto. Alvo Dumbledore confiava muito em sua habilidade de lidar com a magia negra; Severo cuidou do diretor depois que o segundo enfrentou as maldiçÔes que protegiam o Anel de Servolo. Dumbledore tambĂ©m pediu que Harry o levasse a Snape depois de sair da Caverna. McGonagall ordenou que Filch levasse o colar de opalas amaldiçoado Ă  Snape depois que CĂĄtia Bell foi machucada.

Severo inventou diversos feitiços durante seus dias como estudante de Hogwarts, alguns deles consistiam de magia negra, notavelmente o Sectusempra. Snape foi facilmente capaz de cuidar de Draco Malfoy após Harry ter lançado o feitiço contra o garoto.

  • Criador de Feitiços: enquanto estudante de Hogwarts, Snape tinha o dom de criar novos feitiços. Alguns dos feitiços que ele criou foram Sectusempra, o Levicorpus nĂŁo-verbal e seu contra feitiço Liberacorpus.
  • Perito em LegilimĂȘncia/OclumĂȘncia: hĂĄbil nas artes de LegilimĂȘncia e OclumĂȘncia, Snape era capaz de acessar a mente de outras pessoas, e proteger seus prĂłprios pensamentos. Como um Oclumente, Snape foi capaz de ocultar sua traição de Lorde Voldemort, que era provavelmente o mais hĂĄbil Legilimente de sua Ă©poca.
  • Feitiço do Patrono: Snape era o Ășnico Comensal da Morte capaz de produzir um Patrono o qual, como o de LĂ­lian Potter, era uma corça. A razĂŁo mais provĂĄvel para isso era que Snape nĂŁo era um Comensal da Morte leal, e que seu amor incondicional por LĂ­lian era ainda mais forte que sua prĂĄtica das Artes das Trevas.
  • HĂĄbil duelista: Snape se mostrava um talentoso duelista, capaz de barrar sozinho (mesmo que brevemente) um grupo de trĂȘs professores que incluĂ­a HorĂĄcio Slughorn, o antigo campeĂŁo de duelos Filio Flitwick e a bruxa extremamente poderosa Minerva McGonagall.
  • VĂŽo: Snape podia voar sem o uso de uma vassoura. O Ășnico bruxo fora ele que se sabia ser capaz de fazer isso Ă© Lorde Voldemort, que provavelmente inventou o mĂ©todo e ensinou Snape.
  • Curandeiro: Snape tambĂ©m parece ter tido o talento para a cura, pois ele ajudou a salvar CĂĄtia Bell apĂłs ela ter tocado um colar amaldiçoado, e Dumbledore depois do percalço do diretor com o Anel de Servolo. TambĂ©m curou facilmente Draco quando Harry usou o Sectusempra no garoto.

Forma do Patrono: corça, semelhante ao patrono de Lílian.
Pior memĂłria (dementadores): quando chamou LĂ­lian de sangue-ruim, o que ocasionou a perda da amizade dela. E, posteriormente, quando ele se deu conta de que Voldemort havia decidido procurar pelos Potter por causa da profecia que ele ouviu de Sibila Trelawney e repassou incompleta para o Lorde das Trevas, o que ocasionou na morte de LĂ­lian.
VĂȘ testrĂĄlios: sim


HistĂłrico Escolar em Hogwarts

Casa: Sonserina
MatrĂ­cula: ano letivo de 1971/1972
Formatura: ano letivo de 1977/1978
Cargos: possivelmente monitor?
Matérias cursadas a partir do sexto ano: desconhecidas, mas é provåvel que PoçÔes e DCAT estavam presentes


Carreira

Emprego antigo: professor de PoçÔes em Hogwarts (1981-1996), professor de DCAT em Hogwarts (1996-1997), diretor da Sonserina(1981-1997), diretor da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts (1997-1998).
AssociaçÔes e afiliaçÔes: Ordem da FĂȘnix e Comensais da Morte
CondecoraçÔes: quase ganhou a Ordem de Merlim em 1994 pela "captura" de Sirius Black
Ficha policial: denunciado como um Comensal da Morte no julgamento de Igor Karkaroff, jĂĄ tinha sido inocentado por ter espiado Ă  favor de Dumbledore, e atualmente foragido por ter matado Dumbledore


Mais informaçÔes

J.K. Rowling

Segundo as mais recentes entrevistas da autora, o fato de Snape nĂŁo ter um quadro na sala do diretor de Hogwarts na Ășltima cena do livro foi proposital. Snape tinha efetivamente abandonado seu posto antes de morrer, por isso ele nĂŁo mereceu a inclusĂŁo nesse cĂ­rculo augusto. Entretanto, JK imagina que Harry seria o responsĂĄvel por assegurar que o retrato de Snape aparecesse posteriormente.

AlĂ©m disso, Harry se certificou de que o heroĂ­smo de Snape fosse conhecido. É claro que isso nĂŁo impediu Rita Skeeter de escrever "Snape: Santo ou Canalha?".

Sobre a relação, ou melhor, o conflito entre Snape e Lílian Potter, a autora aponta que o principal fator agravante foi ele não ter desistido da companhia de Mulciber para ficar com Lílian. Se ele tivesse a chance de voltar no tempo ele nunca teria se tornado um Comensal da Morte, mas, do mesmo jeito que muitas pessoas vulneråveis e inseguras (como Rabicho), ele desejava pertencer a algo grande e poderoso, algo impressionante. Ele queria Lílian e queria Mulciber também. Ele nunca entendeu realmente a aversão de Lílian; ele estava tão cego pela sua atração pelo lado negro que pensou que ela o acharia impressionante se ele se tornasse um Comensal da Morte de verdade.


Filmes

Nos filmes, o personagem Severo Snape Ă© interpretado pelo ator Alan Rickman


Colunas

Severo Snape (Coluna) - por Fernanda D’Elia.
Snape, o agente duplo perfeito (Coluna) - por Fernanda D’Elia.
Mais uma de Snape (Coluna) - por Rochely Droves.


Em inglĂȘs: Severus Snape


Livros: PF, CS, PdA, CdF, OdF, EdP, RdM






ESPECIAIS
Fan Arts | Quizzes | Linhas do Tempo | Biografias | CitaçÔes

Para correçÔes, sugestÔes, críticas e elogios, entre em contato! Clique aqui.