Ações

Relíquias da Morte

De Dicionário Madame Pince

Relíquias da Morte

reais e perigosas, uma sedução para os tolos

Link:http://galeria.potterish.com/thumbnails.php?album=1821

Relíquias, talismãs, dádivas, dons, tantos nomes para apenas três objetos. Seria pouco e desprestigiante classificar esses objetos como apenas raros e extremamente poderosos. Pois eles possuem ligação direta com a morte, sinal máximo do poder.

Porém é em vida que os simples desejos viram ambições, e dessas ambições que o espírito interno de cada relíquia se apossa.

As relíquias sempre foram tidas como “histórias de bruxos excêntricos”. E até os interessados que realmente quiseram caçar esses sonhos de consumo caíram na descrença ao vagarem pelo mundo sem encontrar nenhum sinal delas.

Conta-se que a história da origem das Relíquias remonta a um passado antigo. E a única descrição que temos conhecimento se encontra nas páginas dos Contos de Beedle, o Bardo no conto dos Três Irmãos.



Origem

O Conto dos Peverell

Era uma vez mais um conto de fadas bruxas. Para muitas crianças uma ótima forma de faze-las dormir, ainda mais sendo a meia noite, um artifício que gerava mais medo. Este conto foi amplamente divulgado com o passar dos séculos entre as famílias bruxas, sendo impossível não reconhecer a história dos bravos irmãos que desafiaram a Morte:

... três irmãos estavam viajando por uma estrada deserta ...
... chegando em um obstáculo fundo demais, os irmãos bruxos usaram de sua sabedoria mágica e criaram um meio de passar por ele ...
... não bem chegaram ao meio da travessia, os irmãos foram parados pela sombra da Morte ...
... como deviam ter morrido afogados a face negra mostrou-se mais sábia, partira para um plano maior: alimentar a ambição dos irmãos, e com isso finalizar o seu tradicional serviço ...
... mostrando uma falsa generosidade ela concedeu três presentes irrecusáveis para cada irmão: uma varinha, uma pedra e uma capa ...
... depois deste encontro a vida cumpriu com sua parte, fazendo os irmãos seguiram seus próprios destinos ...
... e de um por um a ambição em forma de objeto espalhou a morte aos irmãos, e dos irmãos a todas as gerações que viram suas vidas cruzadas por Ela ...
*trechos adaptados



Quem foram os Peverell?

1º Irmão
Nome: Antíoco Peverell
Descrição: homem combativo
Desejo: a varinha mais poderosa que existisse, digna de um bruxo que derrotara a Morte
Ambição: se fazer poderoso acima de todos, sendo o maior duelista bruxo
Presente: a Varinha das Varinhas
Mais informações...


2º Irmão
Nome: Cadmo Peverell
Descrição: homem arrogante
Desejo: ter o poder de restituir vidas
Ambição: possuir todo o poder acima da Morte
Presente: a Pedra da Ressurreição
Mais informações...


3º Irmão
Nome: Ignoto Peverell
Descrição: homem humilde e sábio
Desejo: por não confiar na Morte, ele desejou não ser seguido por Ela
Ambição: deixar a Morte seguramente atrás dele
Presente: a Capa da Invisibilidade
Mais informações...


Aquele que reunir as três relíquias se tornará o senhor da Morte, o conquistador de três inigualáveis dádivas e vencedor se coloca-las em prática.



A Verdade sobre as Relíquias

O conto em si colabora com a sua função ilustrativa de reflexão a respeito da morte. Ou como nossos "desejos impossíveis" podem trazer discórdia e frustração. Mas Dumbledore apóia uma teoria muito provável que sustenta a idéia de que as Relíquias nada mais são do que objetos poderosos criados pelos Peverell. Jovens brilhantes, como Dumbledore e Grindelwald, que tiveram suas criações conhecidas e adaptadas por Beedle.



Mais informações

SPOILER: Chaucer e as Relíquias da Morte (Coluna)
No Sermão do Perdoador, a origem do Conto dos Três Irmãos - por Luis Nakajo.
SPOILER: Os Hallows e o Graal (Coluna) - por Camila Galvez.


Em Portugal: Talismãs da Morte
Em inglês: Deathly Hallows


Livro: RdM (p. 315, 555)







ESPECIAIS
<a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Categoria:Arte">Fan Arts</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/QG_Esfinge">Quizzes</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Portal:Vira-Tempo">Linhas do Tempo</a> | <a href="http://www.potterish.com/wiki/index.php/Categoria:Penseira">Biografias</a> | <a href="http://wiki.potterish.com/index.php/Portal:Sonorus">Citações</a>



Para correções, sugestões, críticas e elogios, entre em contato! Clique <a href="http://arquivo.potterish.com/?p=con">aqui</a>.